junho 11, 2021

,

Biografia



[Atualização: 11/06/21]
Perfil

Nome : Hamasaki Ayumi
Apelido : Ayu
Data de Nascimento : 02 de outubro de 1978
Local de nascimento : Fukuoka
Signo : Libra
Altura : 1m56
Peso : 40 kg
Tipo sanguíneo : A
Medidas : 80-53-82
Artistas favoritos : Keiko (GLOBO) , Rie Miyazawa, Seiko Matsuda.
Atores favoritos : Nicolas Cage, Rie Miyazawa.
Filmes Favoritos : The Bodyguard, Betty Blue, Leaving Las Vegas.
Hobby : Piano, Caligrafia, Desenho.
As pessoas que ela respeita : Pessoas com habilidades que ela não tem.
O que não gosta : Aqueles que não dizem "olá" e que mentem.
Estado civil : Solteira (2018)
                       Divorciada de Tyson Bodkin (2016)
                       Divorciada de Manuel Swcharz (2012)

Filhos: 2 filhos

~VOCAL~:
ESTILO VOCAL: Soprano; Mezzo-soprano
Alcance vocal do Ayumi Hamasaki em estúdio: 3 oitavas, 3 notas e 1 semitom (porém, com a voz em constante mudança, se torna um pouco difícil de classificar o seu alcance vocal de verdade).
Registro Musical mais perceptível: Falsete.
Técnica Musical mais perceptível: Vibrato. 
Vibrato amplo e lento especialmente na época do lançamento do album RAINBOW(2002), Ayu cantava (e canta ainda) principalmente com sua garganta. Com a tensão notória na garganta nos últimos tempos, Ayu é capaz de intercalar vocais entre as notas. Sua articulação também é muito clara, e isso pode ser devido à quantidade de pressão necessária para superar a tensão da garganta. Essa linha faz parte de sua estética vocal e do estilo bukkari (feminino) em geral.

--------------------
Ayu é ainda hoje um dos pilares do pop japonês. É considerada a Rainha do J-pop e ganhadora de vários recordes dentro da indústria musical. Desde sua estreia em 1998 com o single "poker face", Ayumi já vendeu mais de 50 milhões de discos apenas no Japão, tornando-se a artista que mais vendeu discos no país.

Diversidade musical combinada com qualidade e produtividade são a marca da cantora.

Sempre foi alvo de críticas na mídia japonesa, tornando-se uma das artistas mais polêmicas do Japão e mais adoradas, também. No entanto, esta pequena mulher não deve seu sucesso apenas ao trabalho de cantora. A espontaneidade, o dinamismo, a honestidade nas letras, o carisma no palco e a relação especial que tem para com seus fãs e equipe ajudaram-na a erguer seu reinado, que neste momento tem 21 anos! 

abril 01, 2021

DO FUNDO DO BAÚ


Quadro que traz matérias peculiares de Ayumi, antes e depois de entrar na indústria musical oficialmente pela empresa Avex Trax.


 Dia da Maioridade – Ayumi se torna adulta

Ayumi Hamasaki em celebração da amizade Japão-China

Ayumi e Mao, a amizade entre a cantora e a ex-atleta

Ayumi em "Art of Fighting"

janeiro 25, 2021

, ,

Do Fundo Do Baú – Ayumi em "Art of Fighting"


Há exatos 27 anos, em janeiro de 1994, estreavam na TV japonesa dois comerciais divulgando o jogo de videogame "Art of Fighting 2". Esses comerciais foram exibidos à exaustão e tiveram a participação de Ayumi, que também deu uma pequena contribuição para a dublagem de um anime especial produzido para promover o jogo.
Mas vocês sabem quem era "Ayumi Hamasaki" naquela época? Ou como ela foi escolhida para este trabalho? Ou ainda como foi a repercussão que ele gerou? Se suas respostas foram "não", descubra esses e outros detalhes a partir de agora no primeiro "Do Fundo Do Baú" de 2021!

Ayumi Hamasaki na época
Antes do assunto principal, vamos a um breve resumo da trajetória de Ayumi para termos uma ideia de quem ela era no início dos anos 90. Mesmo porque, longe de ser a cantora superfamosa e influente que conhecemos hoje, nossa diva era uma menina de 15 anos que dava os primeiros passos em sua carreira artística. 
Ayumi nasceu em 1978 na província de Fukuoka e trabalhava desde os sete anos como modelo fotográfico em pequenas agências locais, até ser contratada pela agência SOS por volta dos dez anos e assumir o nome artístico "Kurumi Hamasaki". Sendo garota-propaganda exclusiva de um dos maiores bancos de Fukuoka e fazendo anúncios e comerciais de TV com alcance restrito às províncias do sul do Japão, ela queria mais e sonhava ser transferida para a matriz da SOS em Tóquio, visando trabalhos mais bem remunerados e que atingissem todo o país.

Alguns trabalhos de Ayumi na época: anúncios do shoyu fabricado pela Marue e de canetas-pincel da Pentel, além de pôsteres para o Banco de Fukuoka.


Exemplo de comercial com exibição local: ela aparece lutando kendou e no final diz "adoro kasutadon!" (Kasutadon é uma espécie de pãozinho recheado com creme feito com leite, ovos e açúcar – deve ser parente do nosso "sonho" – e é típico da província de Kagoshima).
Por muito tempo este comercial permaneceu desconhecido mesmo pelos fãs da cantora, já que foi exibido somente nas províncias ao sul do Japão e é bem antigo (provavelmente do final dos anos 80). Outra curiosidade é que, após Ayumi entrar para a Avex, muita gente ficou em dúvida se ela era a menina deste comercial e isso se tornou uma lenda naquela região.

O desejo de Ayumi começa a se realizar em 1993, quando consegue não apenas a transferência para Tóquio como um papel fixo no primeiro dorama de sua carreira!
"Twins Kyoushi" (ou "Professores Gêmeos") conta a história de dois professores com temperamentos completamente opostos que são coordenadores de uma turma de alunos do ensino médio, e que em cada capítulo tentam resolver os problemas pessoais ou familiares de alguns deles. Paralelo a isso, um dos professores está em busca do irmão gêmeo de quem foi separado ainda na maternidade, e no final descobre que trata-se justamente do colega de profissão com quem passou o dorama inteirinho brigando. Família é pra isso mesmo, né?...

Aos 14 anos, Ayumi estreia como atriz em "Twins Kyoushi". Que fofura~♡

Com 11 capítulos exibidos entre abril e junho, o dorama chama atenção por alguns dos temas abordados: voyeurismo, sexo, gravidez na adolescência e até estupro. Este último, aliás, foi o assunto do capítulo 4, onde a personagem Momo Tachibana (interpretada por Ayumi) é vítima de estupro e, muito abalada, cogita tirar a própria vida. Alguns japoneses reconhecem que temas assim dificilmente seriam abordados de novo em um dorama do gênero "escolar" exibido às 8 horas da noite, como foi o caso de Twins Kyoushi, mas eram outros tempos e a TV mostrava coisas impensáveis para os dias de hoje.
No início dos anos 2000 houve uma reprise de Twins Kyoushi no canal a cabo TV-Q de Fukuoka, e tanto em blogs quanto nas redes sociais é possível ver pessoas sonhando com um lançamento em DVD, provando que o dorama é lembrado com saudades por quem o assistiu.

Foi durante as gravações de Twins Kyoushi que Ayumi conheceu Tomoya Nagase, que anos mais tarde seria seu namorado. Também estreante como ator interpretando um dos alunos delinquentes, ele já era contratado da agência Johnny & Associates, mas só no ano seguinte se tornaria membro do grupo TOKYO.

O interesse do público pela vida pessoal daqueles jovens atores crescia com o sucesso do dorama, e revistas da época publicavam artigos com curiosidades sobre eles. Nessas imagens da revista MYOJO, Ayumi se define como uma garota muito alegre e do tipo que faz amizade rápido. Gosta de balé clássico e de jogar tênis, é muito faladeira e passa horas ao telefone. É muito fã da banda de rock T-BOLAN e do ator Kouji Matoba, a ponto de fazer carinho na foto dele todas as manhãs (curiosidade: em agosto de 2009, a cantora revelou no programa Hey!Hey!Hey! que na adolescência costumava comprar a MYOJO para colecionar fotos do ator).


Meses após o término do dorama, o interesse por Ayumi continua! No final de 1993, a seção "Q&A" (ou "Question & Answer") da MYOJO recebeu a carta de um leitor perguntando sobre o paradeiro dela.
A resposta traz o título "A popular Ayumi Hamasaki, intérprete de Momo Tachibana em Twins Kyoushi, é uma estudante que mora em Fukuoka" e inclui uma declaração da menina: "ano que vem serei atriz em Tóquio!".
Segundo a revista, ela precisou se ausentar da escola durante 3 meses por causa das gravações e agora estava totalmente focada nos estudos, dedicada ao mais novo objetivo: "atuar em Twins Kyoushi foi tão divertido que decidi me tornar atriz, e espero poder participar de muitos doramas". Nessa época ela morava em Fukuoka, por isso pretendia entrar em uma escola em Tóquio no ano seguinte e se mudar para lá definitivamente.
O texto também diz que Ayumi é uma estudante cheia de energia: "nas competições da escola faço parte da equipe de torcida e toco tambor com toda minha força. Dizem que sou a menina mais barulhenta da turma!".
A foto com faixa na cabeça foi tirada durante uma dessas competições.

Mais uma prova da popularidade do dorama dos "professores": em "M", assim que é transferida para Tóquio, Ayu (interpretada por Karen Anzai) é escalada para um dorama fictício chamado "Big Teacher". Como diz o meme do Capitão América, "eu entendi a referência".

Conforme dito na entrevista acima, depois de Twins Kyoushi houve uma pausa nas atividades de Ayumi e ela pretendia ficar se concentrando nos estudos. Entretanto, o segundo semestre de 1993 ainda lhe reservava grandes oportunidades...

Art of Fighting


"Art of Fighting" (ou "Ryuuko no Ken", que pode ser traduzido como "Punhos do Dragão e do Tigre" ou mesmo "Punhos de Dois Grandes Rivais") é uma trilogia de jogos da empresa SNK lançada no início dos anos 90, que tem como protagonistas Ryo Sakazaki, sua irmã Yuri e o amigo Robert Garcia. O primeiro jogo, de 1992, tinha sido um sucesso e foi decidido que "Art of Fighting 2" seria lançado em fevereiro de 1994. E o que seria melhor para promovê-lo que investir em um comercial caprichado na TV, reunindo ação e comédia?
Pensando nisso, em setembro foi lançado o concurso "Ryuuko no Ken - Commercial Heroine Grand Prix" para escolher a intérprete de Yuri Sakazaki nesses comerciais. O concurso foi realizado pela parceria entre SNK e editora Shueisha com apoio da TV Fuji, que juntas analisaram todas as garotas que se inscreveram e selecionaram 10 finalistas. A escolha da vencedora ficaria na mão dos leitores da revista semanal Young Jump, publicada pela Shueisha.

Fotos da edição de novembro da Young Jump:
"Reta final do concurso 'Heroine Contest', da parceria Young Jump e SNK
O concurso anunciado na edição #41 foi um sucesso e na segunda fase realizada no mês passado selecionamos as 10 beldades abaixo. A decisão agora fica por conta dos nossos leitores. Afinal, quem será a intérprete de Yuri nos comerciais de Art of Fighting?!".

Estudando, né? Sei... Hahaha! Ayumi não é boba nem nada e se inscreveu no concurso, ficando entre as finalistas.

Surpresa! Ayumi foi a grande vencedora, e em dezembro a Young Jump anunciou o resultado mostrando fotos de bastidores da gravação dos comerciais. As filmagens aconteceram na cidade de Los Angeles e foram bastante puxadas, com duração total de 24 horas.

"Resultado do 'Heroine Contest'!! A intérprete de Yuri será Ayumi Hamasaki-chan!".
Detalhe: embora ainda morasse em Fukuoka, a essa altura Ayumi tinha deixado a SOS e já era contratada da Sun Music, uma agência bem maior e mais influente. Revistas da época (incluindo este anúncio da Young Jump) já se referiam a ela como modelo dessa agência, o que faz dos comerciais de Art of Fighting seu primeiro trabalho na Sun Music.

Mas não se esqueçam que Ayumi também dublou Yuri no anime!

"Battle Spirits - Ryuuko no Ken"

Pôster de divulgação.

No dia 11 de dezembro Ayumi fez uma rápida participação no programa "Tono-sama no Pheromone" para divulgar o anime, participação esta que pode ser conferida aqui. Segue a tradução do que é falado no vídeo:
Apresentadora: "E dando continuidade ao programa, vamos receber uma das dubladoras do anime especial da SNK 'Art of Fighting', que será exibido no próximo dia 23 de dezembro, aniversário do imperador. Com vocês, Ayumi Hamasaki."
Apresentador: "Bem-vinda! Boa noite! Venha, venha!"
(Ayumi parece perdida, sem saber como chegar na bancada)
Apresentador: "Pode vir aqui, não precisa ter medo."
(Ela enfim se senta e a entrevista começa)
Apresentador: "Você é dubladora?"
Ayumi: "Não, é o meu primeiro trabalho."
Apresentadora: "Oh, 'Art of Fighting' é sua estreia como dubladora?"
Apresentador: "Do que se trata a história?"
Ayumi: "Bem, é um anime cheio de ação e momentos de comédia estrelado pelo meu irmão mais velho, que se chama Ryo e é um excelente carateca, e seu melhor amigo Robert."
Apresentador: "É um jogo de videogame, não é?"
Apresentadora: "Ah, e aí fizeram um anime... E quem mais está no elenco?"
Ayumi: "Tetsuya Bessho e Masanori Ikeda."
Apresentadora: "São vozes bem diferentes do usual, né?"
Ayumi: "Convido todo mundo a assistir 'Battle Spirits: Art of Fighting', que vai ao ar no dia 23 de dezembro às 10:30 da manhã. Não percam!"


A apresentadora deve ter dito que as vozes eram diferentes porque, assim como Ayumi, os dubladores de Ryo e Robert nunca tinham dublado um anime antes. Tetsuya Bessho já era conhecido por sua atuação em doramas, no teatro e no cinema. E Masanori Ikeda também era ator e cantor, fazendo sua estreia como dublador em Art of Fighting (curiosidade: anos mais tarde, foi ele quem dublou o vilão Makoto Shishio no anime "Rurouni Kenshin"!).
Mas calma, porque a promoção do jogo não se limitou aos comerciais e ao anime! No dia 19 de dezembro a SNK realizou um evento público em frente ao famoso Studio Alta, em Shinjuku, organizado e transmitido ao vivo pela Rádio Nippon! Ao meio-dia e meia o grupo chamado JPOP esteve lá divulgando a música-tema do anime, "Yasei no Kaze", e depois representantes da SNK deram detalhes de Art of Fighting 2 em primeira mão. Às 14 horas foi a vez de Ayumi alegrar a multidão e ser apresentada oficialmente como a nova Yuri.

Páginas da Young Jump divulgando os nomes dos dubladores e o evento em Shinjuku.

Na manhã do dia 23 de dezembro, feriado em comemoração ao aniversário do imperador, a TV Fuji exibiu o anime. Nos quase 50 minutos de duração, Ayumi teve 12 falas; sendo que 8 foram apenas "irmão" e "Robert".

Cenas de Yuri Sakazaki no anime, que está disponível no YouTube nas versões legendada e dublada.

Matéria da extinta revista Japan Fury, de 1995, com a análise do anime.
Sobre a polêmica de Ryo ser moreno, dizem que o visual dos personagens foi inspirado nos comerciais, o que faz sentido. Yuri se parece mais com Ayumi que com sua versão original.

Após a transmissão na TV, o anime foi lançado no mercado de home video em VHS, Laserdisc e, mais tarde, em DVD. Com eles vieram aqueles detalhes que fazem a alegria dos colecionadores:
- as versões em VHS e Laserdisc foram chamadas de "versão do diretor", onde a qualidade estética de algumas cenas e da animação foram melhoradas se comparadas às da versão exibida na TV.

Capa da VHS japonesa.

O anime também foi lançado aqui no Brasil!

- a voz de Ayumi é encontrada apenas nas versões TV, VHS e Laserdisc! Na versão em DVD o trabalho foi refeito por Kaori Horie, que na época tinha se tornado a voz oficial de Yuri nos jogos.
Detalhe: ao invés de "Kurumi Hamasaki", neste trabalho foi usado o nome artístico "Ayumi Hamasaki" (浜崎 歩). Lembrem-se de que ela já não era mais modelo da SOS, né?

Nada de "Kurumi"! Nos créditos, Ayumi aparece como "浜崎 歩" (Ayumi Hamasaki).


- o Laserdisc traz como extras os dois comerciais da TV, cujo storyboard vem em um encarte ilustrado! Enquanto isso, no DVD puseram apenas um digest com cenas dos jogos "Art of Fighting" e "Art of Fighting 2". Ôxe! Mil vezes o Laserdisc!


Capa do DVD.

E os comerciais enfim vão ao ar!



Depois de muita espera, em janeiro de 1994 chegam à TV os dois comerciais de "Art of Fighting 2". Vestida de azul ("Versão Rivais") e de vermelho ("Versão Real Action"), Ayumi contracenou com versões de carne e osso de Ryo e Robert (interpretados respectivamente por Henry HE e Timothy Lowell). Ela não faz muita coisa no primeiro comercial, onde o destaque vai para os dois protagonistas, mas roubou a cena no segundo, que ficou muito bom! Confiram aqui.
Curiosos com a repercussão? Vejam o que três revistas sobre videogame disseram:

Não descobrimos o nome desta revista, mas ela publicou uma breve entrevista mostrando inclusive fotos de bastidores.
Legenda à esquerda: "Yuri Sakazaki e Ayumi Hamasaki. Hm... Difícil dizer qual das duas é a mais bonita".
À direita, a ficha técnica de Ayumi: ela tem 15 anos, é libriana, tem 1,54m e 39 quilos, seus hobbies são assistir jogos de beisebol e ouvir música, sua habilidade é o balé e a citação favorita é "há uma infinidade de sentimentos que o ser humano é incapaz de expressar em palavras".


Tradução da entrevista, que destaca a declaração "Eu pareço bem mais adulta!":
"A princípio fiquei confuso porque as duas são muito diferentes, mas depois de assistir ao comercial várias vezes na TV, já nem ligo mais se ela está interpretando Yuri ou não (isso talvez seja um problema). De qualquer forma, é inegável que a atuação ficou perfeita! Depois de uma disputa acirrada nas páginas da Young Jump, Ayumi Hamasaki-chan foi a escolhida para o papel de Yuri nos comerciais de 'Art of Fighting'. Apesar da carinha de anjo, assim que nos encontramos pessoalmente senti que ela possui uma presença marcante. O NEOGELATOR traz toda essa franqueza até vocês.
NEOGELATOR – Parece que o concurso foi bastante acirrado, não é?
Ayumi – É verdade, ainda nem acredito que fui a escolhida...
N – Como foi o trabalho nas filmagens?
A – Foi muito divertido! Eu não sei falar inglês e por isso tinha que fazer mímica para me comunicar com a equipe, mas todo mundo era muito alegre e ríamos o tempo inteiro. (risos)
N – Qual a sua impressão ao ver a si própria na TV?
A – Não sei por quê, mas acho que pareço bem mais adulta!
N – Você gosta da personagem Yuri Sakazaki?
A – Hm... Gosto do figurino, e acho que nossas personalidades são parecidas na questão de não gostar de perder.
N – Diga 'yoyucchi!'. [Bordão da personagem, ao vencer a luta]
A – Ahn... 'Yoyucchi!' (risos) Ai, que vergonha...
N – (Risos) Você já jogou Art of Fighting 2?
A – Hm... Na verdade, ainda não. Ah, mas vou ao fliperama com frequência!
N – Que tipo de jogos você gosta?
A – Gosto daquelas máquinas de pegar bichinhos de pelúcia... Ah, mas o meu favorito é o de karaokê! (risos)"

Legenda: "Oh, muito bem! Aproveitando a pausa nas gravações para receber instruções, não é? Por ser muito habilidosa no balé, estou certo de que os movimentos serão ágeis e precisos! Estamos ansiosos para conferir o resultado nos comerciais."

A revista Super Famicon Magazine escreveu:
"Ayumi Hamasaki, a novata que vem chamando atenção, aparece nos comerciais de 'Art of Fighting 2' no papel de Yuri!
O jogo AoF se tornou um grande sucesso assim que chegou aos fliperamas, e seus comerciais, exibidos à exaustão, seguem pelo mesmo caminho. Mostrando os personagens Ryo e Robert em cenas que misturam muita ação e comédia, nosso destaque vai para Ayumi Hamasaki-chan, a intérprete de Yuri. Além de vencer o concurso que acompanhamos na Young Jump, a garota de 15 anos emprestou sua voz à personagem no anime do jogo, exibido na TV em dezembro do ano passado. Todo nosso apoio a esta nova versão de Yuri~♡".
A legenda da foto diz "Esta é Ayumi Hamasaki-chan, artista da Sun Music e intérprete de Yuri. Se olharmos com bastante atenção, veremos que as duas se parecem demais!!".

Já a revista PC Engine FAN publicou esta nota, dizendo:
"Esta é Ayumi Hamasaki-chan, a quem fomos apresentados no evento de 'Art of Fighting' transmitido ao vivo em Shinjuku e que dublou a personagem Yuri no anime baseado no jogo (muitos já devem tê-la visto nos comerciais, não é?). Nascida em Fukuoka em 2 de outubro de 1978, ela tem 15 anos, tipo sanguíneo A e talento especial para balé. É uma das grandes revelações da agência Sun Music".
No balão, Ayumi diz "Sou Yuri~♡".

1994: ano novo, vida nova
Em março, Ayumi terminou o ginásio em Fukuoka e se mudou definitivamente para Tóquio, pronta para iniciar seu trabalho com a Sun Music.

Ayumi se muda de mala e cuia para Tóquio e é recebida por Teruko Aizawa, dona da agência juntamente com o marido.
Confiram este vídeo mostrando sua chegada à casa da família Aizawa, onde Ayumi diz: "meu objetivo é me tornar uma grande estrela. E estou muito mais confiante que receosa".


Como curiosidade, aqui estão todos os nomes artísticos usados por ela até hoje:
- na primeira linha estão o nome com a grafia atual (浜崎あゆみ) e com a grafia de batismo (濱﨑 歩);
- na linha do meio temos Kurumi Hamasaki (浜崎るみ), usado na época da SOS;
- e na última linha estão 浜崎歩, usado em Art of Fighting; あゆみ, usado na época da Sun Music (a única diferença da grafia atual está no  ("-saki")); e AYUMI, usado apenas no disco "Nothing From Nothing".


A partir daqui, a Sun Music impulsiona sua carreira como idol e ela se torna extremamente popular no Japão, ganhando muito espaço na mídia impressa e na TV. Mas isso já é assunto para outra postagem...

Fontes:

janeiro 24, 2021

[Letras e tradução] Fly high

TRADUÇÃO

Voe alto

Sou incapaz de deixar este lugar para sempre
pois acabei me acostumando com esse cenário aqui.

Algum dia, quando voltar aqui novamente
e contemplar o céu com a mesma visão
pensarei muito sobre
se eu posso chamá-lo de bonito ou não.

Deixe-me dormir um pouco e me apressarei de novo amanhã.

Enquanto eu estava com medo de seguir adiante,
apareceu uma longa estrada atrás de mim
e parecia ser tarde demais.

Enquanto isso, cheguei a pensar
que este lugar aqui não era tão ruim assim.
Continuei dando razões para mim mesma.

Eu nunca tinha realmente entendido
e fingia que entendia tudo.

Sou incapaz de deixar este lugar para sempre
porque acabei me acostumando com esse cenário aqui.

De algum jeito, tudo parecia pequeno,
pareciam pedaços pequenos,
talvez porque o céu que eu olhei
era muito amplo e ilimitado.
Talvez porque eu estava ao seu lado.

Apesar de perceber que isto não era bom para minha cabeça
eu, por vezes, admirei alguém que passou por mim
e acabei ficando com inveja dessa pessoa.

Até quando eu continuarei querendo
as coisas que eu não tenho?
Talvez penso nisso porque eu te conheci.

Tudo está certamente em minhas mãos,
não posso deixar os meus sonhos aqui.
Tudo está certamente em minhas mãos,
eu não preciso de um futuro fixo.

Tudo está certamente em minhas mãos,
se eu não agir, não posso mover isso aqui.
Tudo está certamente em minhas mãos,
se eu não começar, isto não iniciará.

ROMAJI


Hanarerarezu ni ita yo zutto
Minareteru keshiki ga atta kara


Itsu ka mata kono basho he kite mo
Onaji sora wo onaji you ni miete
Utsukushii to ieru no ka to
Boku wa kangae sugita no ka mo shirenai
Sukoshi no nemuri ni tsuite mata asu isogou


Kowagatte fumida sezu ni iru ippo ga
Kasanatte itsu kara ka nagaku nagai
Michi ni natte teokure ni nattari shite
Sono uchi ni nan to naku ima no basho mo
Warukunai ka mo nante omoi dashite
Nan to ka jibun ni riyuu tsuketari shita


Honto wa ne tatta no ichido mo rikai shinai mama de

Subete ga wakatta furi wo shite itan da ne

Hanarerarezu ni ita yo zutto

Minareteru keshiki ga atta kara

Nan da ka subete ga chippoke de
Chiisa na katamari ni mieta no wa
Aoida sora ga amari ni hatenaku
Hirosugita kara datta no ka mo shire nai
Kimi no tonari ni ita kara ka mo shire nai

Atama de wa wakatteru tsumori demo ne
Sure chigau doko ka no dare ka no koto
Furikaette nagamete wa urayandari

Nai mono nedari wo itsu made tsudukete ikun darou
Sou omoeta no wa kimi ni deaeta kara desho

Subete wa kitto kono te ni aru
Koko ni yume wa oite ikenai
Subete wa kitto kono te ni aru
Kimerareta mirai mo iranai

Subete wa kitto kono te ni aru
Ugoka nakya ugokase nai kedo
Subete wa kitto kono te ni aru
Hajime nakya hajimara nai kara

KANJI


離れられずにいたよ ずっと
見慣れてる景色があったから

いつかまたこの場所へ来ても
同じ空を同じ様に見えて
美しいと言えるのかと
僕は考え過ぎたのかも知れない
少しの眠りについてまた明日急ごう

怖がって踏み出せずにいる一歩が
重なっていつからか長く長い
道になって手遅れになったりして
そのうちに何となく今の場所も
悪くないかもなんて思いだして
何とか自分に理由つけたりした

ホントはねたったの一度も理解しないままで
全てがわかったフリをしていたんだね

離れられずにいたよ ずっと
見慣れてる景色があったから

何だか全てがちっぽけで
小さなかたまりに見えたのは
仰いだ空があまりに果てなく
広すぎたからだったのかも知れない
君のとなりにいたからかも知れない

頭ではわかってるつもりでもね
すれ違うどこかの誰かのこと
振り返ってながめてはうらやんだり

ないものねだりをいつまで続けていくんだろう
そう思えたのは君に出会えたからでしょ

全てはきっとこの手にある
ここに夢は置いていけない
全てはきっとこの手にある
決められた未来もいらない

全てはきっとこの手にある
動かなきゃ動かせないけど
全てはきっとこの手にある
始めなきゃ始まらないから